Frota da Granja Loureiro ganha novo design
 
1º Simpósio Internacional de Coturnicultura em Taiwan
 
Intercâmbio cultural entre Japão, Taiwan, China e Brasil
 
Conheça o novo laboratório da Granja Loureiro
 
Avaliações técnicas na
Granja Loureiro
 
Minas Gerais é pólo nacional na produção de Ovos de Codorna
Os criadores de codorna de Minas Gerais, incentivados pela crescente aceitação do produto no país, estão aumentando seus plantéis. O segmento industrial da atividade no Estado também cresce, com as empresas expandindo a capacidade de processamento, e surgem novos projetos de exploração da atividade. De acordo com Luiz Cássio da Paixão, coordenador da Câmara Técnica de Avicultura criada pela Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Serpa), “o Estado é líder no segmento de codornas e a atividade atravessa uma fase muito favorável”.
Integração Avançada
O empresário Sérgio Pereira Gomide, proprietário da Granja Loureiro, sediado em Perdões, no Sul de Minas, recorre ao sistema de integração para complementar o volume de ovos de codorna que o mercado encomenda à sua empresa. Apesar da denominação, a granja é mais do que um criatório, porque além dos segmentos de recria, reprodução e postura, tem uma indústria. “O processamento dos ovos nessa unidade é automatizado para garantir ganhos de produtividade, e todo o produto é acondicionado em embalagens plásticas”, explica.

A produção de ovos de codorna da Granja Loureiro, destina-se a Belo Horizonte, municípios da Zona da Mata, regiões Sul, Centro de Minas e mais 11 estados brasileiros”, informa Gomide. São fornecidos, no atacado, (restaurantes e bares) em embalagens de dois quilos. Para venda em supermercados, em embalagens plásticas de 200 e 900 gramas.